Ads Top

Review - Robin Williams: Entre na Minha Mente

O gênio das comédias e suas inquietações


Homenagens póstumas na sétima arte sempre entregam momentos de total emoção e lembranças. Não é atoa que o momento "In Memoriam" do Oscar é um dos instantes mais esperado da noite de premiações, pois leva o público as lágrimas ao recordar grandes nomes que nos deixaram. 
Robin Williams é um desses nomes. 
O grande ator de comédias nos deixou em 2014 e o documentário "Come Inside My Mind (Entre na minha mente, transmitido pela HBO Brasil) tenta fazer o que essas homenagens se propõem, amenizar um pouco da saudade.

Robin Williams: Entre na Minha Mente é uma produção da HBO, com direção da duas vezes ganhadora do Emmy, Marina Zenovich,  que vai narrar a vida do ator, desde sua infância, a ascensão nas telas o triste fim de sua vida pelo suicídio.
É perceptível desde o início do documentário o tom de consternação e respeito pelo ator. 
Nada de superexposições ou exageros, tudo é mostrado de forma simples e objetiva a medida que a vida de Robin se desenrola em tela. A escolha da diretora em utilizar trechos onde entram narrações do ator, de outras produções e entrevistas, dão um toque altamente nostálgico e sentimental, facilitando até para que quem nunca viu alguma produção do ator (O que pode ser muito difícil), criar familiaridade e empatia, graças ao carisma e humor do mesmo.

A montagem vai intercalando entre esquetes do comediante, participações em programas e trechos de filmes, com depoimentos dos amigos que o acompanharam durante a carreira: Billy Cristal, Whoopi Goldberg, Steve Martin, Bob Goldthwait, estão entre os nomes entrevistados e que possuem excelentes histórias para falar do relacionamento com Robin. Assim, como sua família! O irmão e o filho mais velho também ganham espaço para externarem sobre suas vivencias ao lado do ator, o que gera uma emoção sem igual quando as memórias começam a ganhar forma na tela.

Entretanto a narrativa não deixa de lado os problemas que Robin enfrentava. 
Desde a infância solitária, o envolvimento com drogas e álcool, a morte do amigo John Belushi, os casamentos que não deram certo, tudo se revela como situações que aos poucos foram removendo do comediante a tão conhecida graça que possuía. Quando Pam Dawber fala sobre sua parceria com o ator nos palcos e o reencontro na série The Crazy Ones, percebemos o auge da depressão, crise de saúde e problemas que o mesmo enfrentava. Havia um esforço por parte de Robin para continuar, porém é revelado que até mesmo distanciar realidade de ficção estava sendo complicado, gerando inúmeras consequências para o seu dia a dia, por fim, o suicídio em 2014.
Ao final quando o filho explica como foi crescer ao lado de um nome tão icônico do cinema de comédia e como se sente próximo ao revisitar lugares que o pai gostava, fica o sentimento de saudade, misturado a uma tristeza. Logo tudo é preenchido pelas lembranças alegres que Robin causou em quem estava a sua volta.

Entre na Minha Mente é um documentário emocionante, nostálgico, com fatos que não haviam ainda sido contados mostrados de forma clara, e alguns outros ignorados por parte da direção e roteiro. 
A produção em si trabalha com uma simplicidade assertiva e comovente aos tratar dos momentos mais delicados da vida do comediante, sem perder de utilizar seus melhores instantes de palco. 
Entre lágrimas e risadas, Robin Williams nos deixou uma lição importante, uma lição para esse mundo tão complexo: "Nós chegamos nessa vida com uma centelha de loucura, então jamais deixe-a se apagar"!
Tecnologia do Blogger.