Ads Top

Grandes Nomes do Cinema: Angelina Jolie


Como começar a falar dessa mulher incrível que é Angelina, meu povo?

Tarefa dificílima, porque como o nome dela mesmo sugere, ela realmente é um anjo. Mãezona, humanitária, feminista, embaixadora da ONU, Atriz, produtora, diretora, e com todos esses adjetivos ela continua sendo uma BAD GIRL! Como a mesma já disse em alguma entrevista por aí. 

Mas vamos ao que interessa... 

CARREIRA

Jolie começou sua carreia ainda criança, tendo sua estreia em 1982, atuando ao lado de seu pai, Jon Voight, na comedia Aventuras em Las Vegas. Alguns anos mais tarde, Jolie apareceria atuando em Cyborg 2, filme de baixo orçamento que foi um fracasso comercial. Logo depois ela aparecia no filme de ficção cientifica Hackers, em 1995, que passou a ser considerado filme cult, apesar da baixa bilheteria.

A carreira de Jolie começou a tomar bons rumos quando ela foi coadjuvante no telefilme George Wallace: O homem que vendeu sua alma, em 1997, pelo qual recebeu um globo de ouro de melhor atriz coadjuvante em televisão.  Sua grande descoberta foi no ano seguinte, quando ela estrelou GIA – Fama e Destruição. Por sua atuação como a modelo Gia Carangi, ganhou o globo de ouro de Melhor atriz de minissérie ou filme para televisão.
Atuou em  O Colecionador de Ossos, que foi um sucesso comercial. Ainda em 1999, fez o drama, Garota, interrompida, interpretando uma sociopata doente mental, um papel que lhe rendeu um Globo de Ouro e um Oscar de melhor atriz coadjuvante.  
No filme 60 Segundos, em 2000, Jolie teve o maior sucesso de bilheterias da carreira até aquele momento, mas foi como a arqueóloga Lara Croft, da franquia Tomb Raider, de 2001 e 2003, que ela teve reconhecimento internacional, apesar das duras críticas negativas, o filme teve a maior abertura para um filme de uma heroína. Um ano depois da sequência da adaptação dos games, atuou no sucesso comercial de ação como uma assassina, em Sr. & Sra. Smith.


O thriller de ação O Procurado, foi um sucesso comercial de 2008, sua próxima aparição seria como Christine Collins em A Troca, um drama que conta a saga de uma mulher que descobre que após recuperar seu “filho” desaparecido, acaba percebendo na verdade, que ele é um impostor. Papel esse que lhe rendeu uma nomeação de Oscar de melhor atriz.
Seguido por papéis principais em dois filmes de ação em 2010, Salt e O Turista
Em 2011, dirigiu o drama romântico Na Terra de Amor e Ódio, que mostra uma história de amor ambientada durante a Guerra da Bósnia, e apareceu na sequência Kung Fu Panda 2. 
Seu maior sucesso comercial, veio com o filme de fantasia Malévola de 2014. No mesmo ano, dirigiu Invencível, um drama de guerra baseado em um livro de 2010 de mesmo nome.

TRABALHO HUMANITÁRIO

Angelina é embaixadora do ACNUR, (Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados), tendo iniciado seu trabalho humanitário na época das gravações de Lara Croft (2001), após perceber os danos provocados na guerra do Camboja. Ela participou de mais de 40 missões de campo na década seguinte, encontrando-se com refugiados e pessoas deslocadas internamente em mais de 30 países.

NOSSA! Olha quanta coisa essa mulher já realizou na vida!?

Mulherão da porra sim, porque apesar dessas coisas, Angel segue de cabeça erguida, sendo uma mãe carinhosa, atenciosa e determinada a dar bons exemplos para seus filhos. Ela não é só um rostinho bonito, uma boca carnuda, e um símbolo sexy, isso ficou para trás, em vista de todas as coisas que ela já realizou em sua longa carreira.
Eu tenho um imenso orgulho de dizer o quanto eu me espelho nesse ser humano, que nunca abaixou a cabeça, e sempre lutou pelo o que ela acredita. Jolie é exemplo para nós garotas, que sonhamos alto e queremos o mundo.

 E se você não ama Angelina Jolie, sinto muito, mas nós temos um problema! (risos)


Para finalizar vou indicar 3 filmes sensacionais, dirigidos por ela:

A Beira-Mar: A fotografia desse filme é simplesmente incrível, o cenário ajuda muito a contextualizar a trama do filme. É um filme super sincero e doloroso de assistir. Você vai acompanhar o casal Vanessa e Roland, vividos por Jolie e Pitt, respectivamente. Eles estão tentando manter um casamento, já em ruínas, de ir por água a baixo. A intimidade de Jolie e Pitt aqui, torna as cenas reais, e emocionantes. Para quem ama um filme de drama, é uma ótima pedida.

Invencível:  Outro filme sensacional, contando a história baseada em fatos reais do livro Unbroken: A World War II Story of Survival, Resilence, and Redemption, de Laura HillenBrand.  A trama conta a história do atleta olímpico americano Louis “Louie” Zamperini. Louie sobreviveu em uma balsa por 47 dias depois de um desastre aéreo durante a Segunda Guerra Mundial, mas acaba sendo capturado pela marinha japonesa e enviado para uma serie de campos de prisioneiros. Preste atenção na cena pós créditos desse filme, é de arrepiar a história contada ali.

Na Terra de Amor e Ódio: Esse filme é um Drama Romântico escrito e dirigido por Jolie, e foi a sua estreia como diretora. Ela descreve o amor tendo como pano de fundo a Guerra da Bósnia, nos anos de 1990 em meio aos destroços de Sarajevo. Danijel é um soldado lutando pelos sérvios bósnios, ele encontra Ajla, seu ex-amor, que é uma bósnia, e, portanto, uma prisioneira. Os dois precisam ter cuidado e manter o antigo envolvimento em segredo, por causa da política da Bósnia, ou se não estarão correndo risco de vida.
Tecnologia do Blogger.