Ads Top

Treze Dias Longe Do Sol - CRÍTICA

Treze Dias Longe Do Sol é a mais nova minissérie da Globo em parceria com a O2 Filmes, criada por Elena Soarez e Luciano Moura e protagonizada por Selton Mello, Carolina Dieckmann, Debora Bloch, Fabricio Boliveira e Enrique Diaz. Antes mesmo de ser exibida na faixa noturna da globo a série foi disponibilizada no streaming Globo Play.

Treze Dias Longe do Sol, conta a história de um desastre em um canteiro de obras da construção de um hospital. Num dia chuvoso, por motivos desconhecidos o prédio não aguenta e acaba cedendo e fazendo algumas vítimas fatais e deixando outros soterrado em andares subterrâneos, a partir de então se inicia uma minuciosa busca pelos possíveis sobreviventes e uma investigação sobre o que levou o desabamento do prédio.
A série é ambiciosa, mas não vai muito além. Na verdade em questão de narrativa e roteiro a Globo já nos mostrou coisas melhores antes como em Justiça (2016) por exemplo, agora se formos falar de produção, aí sim, é onde a série tem mais acertos.


A fotografia é realmente impressionante, as cenas em que acompanhamos os personagens presos embaixo dos escombros são bem claustrofóbicas e nos fazem sentir mais empatia por quem está ali, já que as atuações são bem medianas também. Os tons escuros, verdes, dessas cenas ajudam muito a construir a série e o clima tenso. Os efeitos especiais não são muito surpreendentes, mas cumprem o papel para nos deixar aflitos, assim como a trilha sonora que segura os momentos mais agoniantes da série.

Selton Mello é Saulo o engenheiro responsável pela obra, e mesmo com um personagem bem diferente dos anteriores ele ainda entrega a mesma atuação caricata, como se estivesse forçando algo, não é nada natural e agradável. Debora Bloch é Gilda, diretora financeira da construtora responsável pelo prédio e de longe quem entrega a melhor atuação do elenco, ela faz perfeitamente uma mulher calculista e passional. O resto do elenco é ótimo e seguram muito bem suas cenas.

O roteiro deixa a desejar, tenta ser mais que uma história de acidente civil, mas infelizmente não consegue. Isso não significa que a trama traga umas revelações inesperadas, mas no final não sustenta nenhuma delas. Treze Dias Longe Do Sol, no geral é boa e vale a pena acompanhar (sem esperar muita coisa) e dá uma esperança de que cada vez mais vamos ter produções nacionais, na tv aberta, melhores.
Tecnologia do Blogger.